sexta-feira, 28 de junho de 2013

Savage Gear 3D Crayfish... Novidade

                                                                                
A savage mais uma vez surpreendeu o publico no EFTTEX 2013 em Viena  com a apresentação da sua nova amostra em vinil 3D CRAYFISH. Uma amostra a imitar um lagostim quase prefeita em relação ao original.
O lagostim 3D é uma isca macia ultra realista que foi modelado e esculpido após o lagostim real. A Savage estudou o movimento e os padrões de fuga dos lagostins , para que possamos fazer uma isca que é irresistivel para os peixes predadores . Eles são projectados especificamente para responder da mesma  forma como faria o lagostim debaixo de água. As garras são cheias de ar para dar-lhe uma postura defensiva , bem como uma posição natural para atrair  os predadores.






As antenas e patas têm um tamanho grande para produzir uma maior acção de movimento para cativar o predador



Estes vinis estão disponiveis em dois tamanhos 8 e 12.5 centímetros com vários acessórios de aparelhamento para a segmentação das diferentes espécies , locais e técnicas  de pesca.
A apresentação desta novidade vai ser feita já no dia 9 de Julho nos EUA na convenção ICAST 2013 em Las Vegas.
A chegada para a Europa  lá par Outubro.














quinta-feira, 27 de junho de 2013

Hoje o aniversariante é .......................

Hoje é mais um dia de festa o membro do FATEIXAS TEAM comemora as suas 40 primaveras

                                        muitos parabéns  PEDRO BICHINHO.



 o Team e amigos desejamos - te  um feliz dia e muitos PARABÈNS.



quinta-feira, 20 de junho de 2013

Que raio de tempo ……..


Este ano cada vez que combinamos ir aos achigãs não temos tido muita sorte com o tempo. Desta vez voltamos ao Alentejo eu e o P. Resende, o tempo era do pior que poderia estar: Frio, nevoeiro e chuva miudinha….mais parecia Inverno.

A barragem em questão é concessionada só se pode pescar sábados e Domingos e é muito boa em achigãs e carpas.



Chegamos ás 7 da matina, esperamos que as portas abrissem, tiramos a licença diária que são 2€ e fomos direitos logo a um spot por nós conhecido.
Após uma primeira vêsturia ao pesqueiro vimos logo que o peixe andava fundo , pois normalmente vêem se sempre pequenos peixes  á beira . A água desta barragem é muito limpa e transparente tem visibilidade cerca de 1.5 de fundo. Não havia sinal deles .
Montamos as canas e as amostras e vai de  spinnar……………




Passado uma hora nem sinal deles ,nem com vinis , nem com as amostras ,nada , então o Pedro lá experimentou um  spinnerbait e lá conseguia ferrar o primeiro. Eu também mudei para o mesmo e apanhei dois de seguida  e foi assim que acabamos a manhã sempre com o spinnerbait e poucos peixes.
Após o almoço a temperatura era cerca de 18º o céu mantinha se encoberto mas sem chuva . Resolvemos apostar em zonas mais fundas , a zona do  paredão da barragem. Após alguns lançes vimos cardumes de pequenos alevins atrás das amostras … andavam a treinar para um futuro próximo.




E para variar continuavam difíceis , então lá pusemos os spinner novamente e pronto começou a sair peixe.
Na parte da tarde saíram uns bons exemplares e em maior quantidade, todos os peixes foram devolvidos á água.
Cerca das 19horas acabamos a faina com promessa de voltar com mais calor e melhor tempo.















quarta-feira, 19 de junho de 2013

PARABÉNS J. TERRINCA

                      Hoje é dia de festa mais um aniversário do membro do FATEIXAS TEAM  

                                                         JOÃO TERRINCA


                                     MUITOS PARABÉNS 

domingo, 9 de junho de 2013

FORÇA BRUTAL , AGUENTA CORAÇÃO

Eu e o Jonny (gordolas) fomos fazer uma pesca ao spinning.
Material no carro e cá vamos nós estrada fora cheios de pica, contando histórias de outras pescas e peripécias que só mesmo quem anda na pesca sabe o que acontece, umas boas outras nem sempre boas.
Noite dentro lá fomos andando a ver aonde haveríamos de parar o carro!
A indecisão era muita, mas a vontade de matar o vício era maior ainda.
Lá arranjámos o material, amostras na ponta do anzol, e cá vai disto.
Uma carrada de lançamentos e nada, ora chega para lá ora lança mais acolá, quando de repente o Jonny leva um porradão, que quase lhe lavava a cana...a sticada para ferrar e vai de começar a levar fio, obrigando a vergar a cana como nunca ele tinha visto.
Olhámos um para o outro, e comecei a rir, e disse: apanhaste uma baleia?? AHAHAHAHAAH..
Ele com cara de espanto mais não fez que se limitar a deixar levar fio.
Entre paragens e arranques lá foi conseguindo puxar o animal e recuperar fio.
Passado algum tempo e sempre na espectativa sem saber o que seria, lá começamos a ver a vir ai de cima um peixe  enorme, e gritámos os dois...f*****-se é uma corvina enorme.
Os nervos ficaram ainda piores, fui ao carro buscar o bicheiro, pronto a capturar o peixe.
Lá a custo foi aproximando o peixe da margem e eu de pronto o espetei e comecei tentar iça-lo, pois tive que pedir ajuda, tal era o peso.
Lá conseguimos pôr o peixe a seco.
A alegria foi enorme, e fizemos uma grande festa..uma burra a rondar os 30 kg.

Eu comecei logo a fazer uns lançamentos a ver se me tocava alguma também..ihihihihih.
O jonny andou a apreciar melhor o bicharoco..(quase meia hora  ahahahaha)
Passado algum tempo levo também uma porrada, mas já prevenido drag bem aberto e começa a festa também..
O Jonny gritava: aguenta, agora és tu..hihihihih.
Outra luta brutal, como nunca tinha sentido, nervos á flor da pele, braços doridos dos nervos e aguenta coração..hihihih...
lá consegui também pôr a minha a seco, sendo mais pequena, na casa dos 22kg, mas com um sorriso de orelha a orelha...depois de a sacar sentei-me a fumei quase meio maço de tabaco..dassssssssssss..
A alegria de ambos era enorme..de regresso a casa, no carro, nunca mais nos calámos..grandes tagarelas...mas valeu a pena...nunca senti nada assim..enfim.
Foi uma noite em cheio, na qual nunca mais nos vamos esquecer..

Um bem haja para todos e boas pescarias..