terça-feira, 22 de maio de 2012

Abertura aos achigãs

Com abertura da pesca de água doce , e como tradição lá fomos fazer uma pesca aos verdinho. Destino Barragem do Monte da Barca ( Coruche), o tempo não se apresentava no seu melhor , depois de uns dia de verdadeiro Verão o tempo apresentava com algumas nuvens, a  temperatura tinha baixado cerca de 10ºg e estava um bocado de vento.
Rumamos ao local , mas como queriam ir para o lado norte da barragem deparamos com todas as entradas fechadas , Apôs uma ligeira pausa e um cafezinho decidimos ir pelo lado sul onde existe um caminho de terra batida muito estreito com dois sentidos que em caso de encontrarem dois carros frente a frente é uma carga de trabalhos  , pois não há escapatórias ……………….




Escolhemos uma boa sombra e vai de montar as espingardas e meter uns cartuxos nas malas e siga a dança.
Levamos um aprendiz o qual foram dada umas lições pelo amigo Fisgo.


Começa a pesca e o Pedro começa logo por apanhar uma arvore – Começa bem diz ele !
O Fisgo nos primeiros lançamento tem logo um ataque , a coisa não estava mal.



A barragem apresentava as águas muito castanhas e o vento que se fazia sentir por vezes dificultava os lances. Passado um bom pecado também apanhei o meu primeiro da época , o Fisgo também ia sacando , o Pedro ia tendo uns toques e os que ferrava vinha mal presos e com os saltos que davam desferravam-se. O nosso aprendiz também lá apanhou o jeito e ferrou um achigãnchito e umas arvores ….. hehehe !
O amigo Diamantino que também é novato netas lides , lá ia tentando a sua sorte sem sucesso , enfim coisa da pesca .






Chegada a hora do almoço , lá juntamos as marmitas acompanhados de umas belas minis fresquinhas , umas belas sombras tava-se mesmo bem. Ainda houve tempo para desmoer o almoço com brincadeiras com um baloiço que estava pendurado num pinheiro.



Apôs o almoço  rumamos a outras barragens para conhecer , a segunda que fomos foi o Açude da Carregoiceirinha , esta era pequena e havia algumas carpas mortas á beira de água  pelo que não tivemos lá muito tempo.



De seguida fizemos alguns kilometros e fomos á barragem do Espargal ,uma boa barragem com águas muito abertas e segundo uma fonte  foi a primeira a ter achigãs em Portugal e com alguns exemplares XXL. Esta barragem é preciso ter cuidado com os `` Malmequeres da Lezíras”- Gado bravo .
Conclusão as capturas não foram abundantes , mas o dia e o convívio foi 5 *****




 Intreveniente: Eu ( Jonnhy) , Fisgo ( Paulo Lourenço) , Pedro Resende, Diamantino e Eduardo.




4 comentários:

  1. O que interessa mesmo é o convívio, o resto vem por acréscimo.

    Melhor sorte na próxima em capturas e bons convívios

    ResponderEliminar
  2. Onde vamos há sempre boa companhia e muitas risadas .... acho que é por isso que o peixe foge , não nos leva a sério.

    ResponderEliminar
  3. foi tudo excelente..desta vez até baloiço houve..ahahhaahha, gandas malucos.

    ResponderEliminar
  4. Viva pessoal!
    Convivio 5*, embora os "Big Ones" não tenham marcado presença : (( Fica para uma próxima. Uns belos malmequeres parecem vocês! Aliás, parecem mais umas papoilas saltitantes naquele baloiço. AHAHAHAHAH

    Saúde, da boa ; ))

    ResponderEliminar